5 Razões Pelas Quais a Maioria das Pessoas Nunca Vão Descobrir o Seu Propósito na Vida

Como viver o meu propósito de vida? Essa pergunta muitas pessoas fazem!

Viver e trabalhar com um propósito é um processo de auto-descoberta – e a maioria das pessoas nunca vão se conscientizar em relação a isso.

“A forma mais profunda do desespero é escolher ser outra pessoa do que ela própria.” Soren Kierkegaard

Muitas pessoas sentem que o caminho que escolheram não é o caminho certo. Não está relacionado com seu propósito. Na verdade é um sentimento profundo que acompanha a pessoa.

Nós somos atraídos para pensar que o propósito da vida é igual a mobilidade social ascendente,ou seja, estabelecer uma carreira, acumular riqueza, competir (e ganhar) e manter o poder.

Você considera isso como um propósito de vida?

Muitas vezes nos agarramos a nossas próprias ilusões, porque elas são tudo que sabemos. Não tivemos a consciência expandida para analisar as variáveis e a realidade última em questão. No frigir dos ovos, as crenças ( padrões sociais enraizados ) é que acabam definindo o seu caminho, e que, na maioria das vezes, não é seu propósito.

Aqui está o que eu gostaria de propor: Talvez o nosso propósito não tem nada a ver com o que fazemos para ganhar a vida ( as vezes seu trabalho pode ser seu propósito, somente internamente você irá saber). Talvez o nosso propósito seja realmente sobre viver autenticamente e descobrir quem realmente somos.

A maioria das pessoas nunca será capaz de compreender essa perspectiva. Porque isso dá muito trabalho, e terá que expor e rever muitas paradigmas internos, que de uma certa forma, causará conflitos e dores.

Aqui está o porquê de você não está realizando seu propósito!

1 – Você vive de fora para dentro, não de dentro para fora.

As pessoas são ensinadas a partir de uma idade muito jovem de olhar para os outros em busca de orientação. A normatização social é uma parte importante da infância – você descobre como agir em relação a todos os outros – mas o problema começa quando você estende esse processo para incluir algo tão pessoal como seu propósito de vida.

Algumas pessoas ganharam a nossa confiança e a capacidade para nos ajudar a encontrar o nosso propósito único, elas nos incentivam. Se você conseguiu encontrar essas pessoas, que são raras, considere-se afortunado e agradeça diariamente!

Mas a maioria das pessoas, para conseguir aprovação ( seja social, em família etc ), acabam não vivendo o que realmente são. Para manter a aprovação, a pessoa aprende a cronicamente negar quem ela é.

Em muitos casos, você vive o script para a vida de outra pessoa.

2 – Você olha primeiramente para sua carreira antes de ouvir seu chamado interno.

A nossa sociedade tem reduzido o “sucesso” a uma lista de regras para serem verificadas e seguidas rigorosamente: se graduar na escola ( faculdade ), estabelecer em um plano de carreira bem definido, casar, ter filhos, estabelecer em um plano de carreira bem definido ( novamente ) e “pendurar as chuteiras” para que os pagamentos da aposentadoria possam ser recolhidos.

Este caminho ( doutrinação ) empurra as pessoas na direção da conformidade ( zona de conforto ), e não de seu propósito de vida.

Estamos tão ocupados evitando medos, evitando a dor, auto-induzidas de não ser [preencha aqui o vazio] suficiente – suficientemente inteligente,  suficientemente criativo, suficientemente bonito etc etc – Que raramente paramos e perguntamos: “Estou feliz e realizado? E se não, como eu deveria começar a mudar as coisas? “

Encontrar o seu propósito é, simplificando, ouvir seu chamado interior.

Deixe que a vida fale com você, não diga a vida o que você ( ego ) quer fazer com ela.

O chamado interior tem sentimento puro, é apaixonado e compulsivo. Ele começa como um pressentimento, intuição ( você vai conseguir diferenciar este sentimento ), então ele começa a crescer internamente, e você simplesmente não pode esconder. Deixe esse sentimento fluir!

O chamado para o seu propósito não é um caminho fácil, razão pela qual a maioria de nós não conhecemos. Acabamos ficando com medo da luta, do risco e do desconhecido.

Por isso, escolher uma carreira ( não que escolher uma carreira seja algo errado, mas você deve saber diferenciar o que você senti ) acaba te mantendo dentro dos padrões e de sua zona de conforto.

3 – Você odeia silêncio.

Vivemos em uma sociedade que não valoriza o silêncio. Valoriza a ação.

Mas viver sem o silêncio é perigoso. Sem ele, você acaba acreditando em seu ego – e tudo o que ele quer – é não seguir o seu propósito. Se você jogar cenário do ego, internamente você sabe que não vai terminar bem.

Viver uma vida onde Ego está no comando é algo muito perigoso! Você vai mergulhar em sentimentos conflitantes, infelicidade e falta de propósito!

Então, ficar em silêncio abafa o ruído e cria um espaço para a verdadeira autenticidade. Em silêncio, você pode perguntar a si mesmo perguntas sobre como sua vida pessoal e trabalho estão realmente indo e fazer uma pausa para esperar pela resposta. Em silêncio, você dá ao universo para poder interagir com você! E isso é simplesmente fantástico. Experimente!

Normalmente, porém, no início do silêncio você vai ouvir muitos ruídos internos, então é hora de você vir a próximo distração!

4 – Você não gosta do lado escuro de si mesmo.

Carl Jung chamou este lado escuro de sombra .

É o lado sombrio de sua personalidade que você prefere que os outros não vêem. Ele representa suas deficiências, seus fracassos, e suas unidades egoístas. A maioria de nós fugimos antes que alguém tem a chance de ver esse lado.

Mas aqui está a coisa importante: a parte de você que é mais escura tem mais a lhe ensinar sobre o seu propósito.

Como já falei acima, descobrir o seu propósito é realmente sobre uma auto-descoberta, sua escuridão mostra onde você mais precisa crescer.

Mais importante, ele mostra de quem você mais precisa aprender ( você mesmo ). E também são as pessoas que você gosta menos que têm mais a ensinar sobre si mesmo.

Mas a maioria quer ignorar o lado escuro. Em vez disso, elas procuram relacionamentos confortáveis, não querem sair da zona de conforto todos os dias, não querem expandir a forma de ver o mundo.

5 – Você desvaloriza a mente inconsciente.

Acredito que a nossa cultura faz “pouco caso” sobre a mente inconsciente e tudo o que a representa – emoção, intuição, impulsos e sensibilidades.

Para descobrir o seu propósito, você deve se sentir confortável com a mente não-lógica. Você deve se acostumar a não ter as respostas. Você deve suportar ambiguidades e ser agradecido com as dificuldades que surgem e se sentir tranquilo sobre pressão. Você deve permitir sentir – sentir profundamente. Pensar ( usar o intelecto ) para encontrar o seu caminho para uma vida com propósito nunca vai funcionar.

Mas esta é uma tarefa difícil para a maioria das pessoas. Simplesmente porque eles negam, zombam, ridicularizam, ou simplesmente ignoraram.

É por isso que a maioria de nós não vai viver uma verdadeira vida com sentido, sem nunca ter conhecido o nosso verdadeiro propósito.

Veja Mais: Expanda mais com as frases de Osho Aqui

Livros e curso que recomendo

Tao. Sua História e Seus EnsinamentosTao. Sua História e Seus Ensinamentos – Tao significa ser. O Tao acredita neste momento; não faz ideia do que seja o futuro. Quando você consegue viver no momento presente, na pureza, no silêncio, na espontaneidade, a sua vida se transforma. Nesta obra, amplamente ilustrada, Osho leva o leitor a uma compreensão que não pode ser ensinada, apenas vivida.

Personare Transforme Sua Vida – ( foco em soluções amorosas ) – Com um time de 6 especialistas na área, entre eles psicólogos, terapeutas e profissionais na área de sexualidade, debaterão de forma não convencional os principais temas que permeiam os relacionamentos atualmente. O objetivo é mostrar que as causas do sofrimento em relações amorosas podem ser vistas de uma maneira nova, com mais maturidade, autoconsciência e respeito.

Sobre o Autor:

Avatar for Jader Tormen
Um Cara Apaixonado por empreendedorismo, marketing digital e blogs. Meu objetivo aqui é impactar positivamente todas as pessoas que entram neste espaço! :)